Mais uma marca histórica foi alcançada pelo Porto de Paranaguá no último sábado (25). Em um registro inédito, 5.530 veículos foram contabilizados na faixa portuária e nos pátios de automóveis simultaneamente. Os carros são das marcas Renault, Volkswagen e BMW e estão sendo exportados nesta semana para a Argentina, o México e os EUA.

Somente em 2017, já foram exportados 92.469 veículos e esse número não para de crescer. A expectativa da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa) é a de fechar o ano com a exportação de mais de 100 mil unidades, uma marca jamais alcançada antes.

O diretor-presidente da Appa, Luiz Henrique Dividino, atribui o recorde de movimentação ao mercado, à capacidade de resposta dos operadores portuários de Paranaguá e ao novo layout operacional do cais do porto – que tem permitido uma movimentação nunca vista.

“Com o novo layout, aumentamos em 36% a área para movimentação de cargas especiais, utilizada para o armazenamento de veículos. Com isso, em 2017, teremos o maior volume de automóveis já exportados e em 2018 a responsabilidade será ainda maior”, explicou Dividino.

 

Destaque

Além do aumento da capacidade de armazenamento de cargas especiais, incluindo veículos, o Porto de Paranaguá cumpre as exigências dos fabricantes, como a existência de rampas específicas para o embarque das mercadorias. Esses aspectos contribuíram para que o porto paranaense se tornasse o segundo do país em movimentação de automóveis.

“O aumento da capacidade de armazenamento já é um atrativo enorme a quem exporta ou importa. Além desse aspecto, o porto paranaense tem se destacado com as boas condições de movimentação, apresentando baixa incidência de avarias. Isso tudo faz diferença e justifica o excelente desempenho do Porto de Paranaguá”, enfatizou o secretário de Infraestrutura e Logística, José Richa Filho.

 

Crescimento

A crescente movimentação de veículos aponta para a diversificação de cargas operadas no Porto de Paranaguá e vem batendo sucessivos recordes. De acordo com o relatório divulgado pela Appa, a exportação de veículos aumentou cerca de 25% em comparação a 2016, com uma média de 8.500 unidades embarcadas por mês, contra 6.800 mensais no ano passado.

 

Fonte: Massa News