Importação de kits para testes de Covid-19 em 2021

Importação de kits para testes de Covid-19 em 2021

Mesmo com a imunização contra o Coronavírus avançando no Brasil e no mundo, a rotina ainda não voltou ao normal. Por isso, a importação de kits de testes de Covid-19, que auxiliam na detecção da doença, ainda é muito importante. 

Por isso, nesse texto do Blog da Log, você vai poder saber mais sobre as estatísticas de importação desses testes e do cenário atual. Continue lendo!

Cenário da Importação de kits para teste de Covid-19 no Brasil

A importação de kits farmacêuticos é bastante conhecida e frequente na indústria. 

Já a modalidade de Importação visando os kits usados nos testes da Covid-19 começou a ser difundida pouco tempo após o início da pandemia. 

Apesar de ter registrado um início pouco promissor em razão do baixo índice de testagem populacional, à medida que a situação se agravou, o nível de Importações começou a aumentar, chegando a mais de 76 bilhões de testes importados até maio de 2021.

Como funciona a importação de kits para teste de Covid-19?

Sob a NCM 3822.00.90, que entra no capítulo de reagentes de diagnósticos ou materiais de referência certificados, e por ser um item utilizado para testes em humanos, os kits para testes de Covid-19 são enquadrados no destaque 005 e devem, necessariamente, possuir a anuência da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA).

Assim, devem obrigatoriamente obter a Licença de Importação que será deferida (liberada) após o embarque para que possam, então, ser comercializados.

Nesse momento, é obrigatória a apresentação de certificados específicos como estudo de estabilidade, de qualidade e eficácia e, ainda, o estudo de segurança do material.

Por conta de todo o cenário e urgência, a ANVISA vem tentando agilizar a liberação desses itens para atender ao mercado interno e auxiliar no combate ao vírus, sem deixar de fazer a análise de todos os detalhes com segurança, a fim de cumprir seu papel de zelo pela saúde da população.

A Importação de kits para teste de Covid-19 em 2021

Em razão do cenário crítico vivido em todo o mundo, a necessidade da importação de kits para teste de Covid-19 nos últimos meses foi intensificada, elevando consideravelmente o consumo e o volume de Importação deste produto, chegando a ultrapassar a marca de 6 milhões de quilos de carga.

Abaixo apresentamos um “raio-x” com os números de maior destaque a respeito dos kits de teste para Covid-19.

O valor FOB das Importações de kits de teste de Covid-19 ultrapassou a marca de USD 358 milhões apenas entre janeiro e julho de 2021.

O volume de Importações foi superior a 6 toneladas, o que, considerando o tamanho dos testes, representa um volume extremamente alto para o período: resultado do cenário de urgência vivido nos últimos meses.

Já se tratando do valor de frete (que desde o final de 2019 vem sendo um dos ofensores das Importações em razão do aumento generalizado) passou de USD 30 milhões. 

A urgência e rapidez no embarque foi um dos pontos cruciais para as Importações ao longo dos últimos meses, em especial para as Importações dos kits de testes para Covid-19: que foi ainda mais intensificada pela pressão social e política para o recebimento/entrega dos itens. 

Isso resta evidenciado na escolha do modal, uma vez que o aéreo domina o volume de Importações com mais de 92%, seguido pelo marítimo (com pouco mais de 6%).

Distribuição da quantidade de registros por modal de transporte das Importações dos kits de testes de janeiro a julho de 2021. Fonte: Search – Logcomex.

Em se tratando dos números de desembaraço, o Porto de Itajaí tem o destaque com o maior número de entradas (do ponto de vista financeiro), seguido pelo Aeroporto Internacional de São Paulo/Guarulhos.

Ranking das principais unidades de desembaraço de janeiro a julho de 2021 para Importações dos kits de testes. Fonte: Search – Logcomex

Analisando sob o ponto de vista da origem dos kits de teste, os principais exportadores para o Brasil são os Estados Unidos, seguido da Alemanha e Suécia.

Ranking dos principais países de origem para importação dos kits de teste de janeiro a julho de 2021. Fonte: Search – Logcomex.

É seguro dizer que enquanto a pandemia seguir, a necessidade de testagem na população deve ser mantida. Com isso, é fácil de observar no gráfico de tendência (abaixo) que o volume (que é alto) teve poucas oscilações desde janeiro, se mantendo estável no período.

Gráfico de tendência de Importação dos kits de testes de janeiro a julho de 2021. Fonte: Search – Logcomex.

A importação de itens para a saúde teve um grande destaque por conta do cenário pandêmico e muitos aguardam ansiosamente pelo fim dessa realidade.

Infelizmente, por hora, a importação dos kits para a realização dos testes de Covid-19 tende a seguir assim e se manter estável até que se observe taxas de imunização mais robustas. 

Enquanto isso não acontece, todos seguem juntando forças sem medir esforços para que a população permaneça o mais segura possível.

Amplie seus resultados na importação de kits de teste de Covid-19

No Search, plataforma da Logcomex, é possível encontrar essas e outras informações ainda mais específicas sobre a importação de kits de teste de Covid-19 e muitos outros itens. Além de possuir base de dados para análises ainda mais profundas, realizar projeções e estudos sobre o mercado.

Uma grande empresa do ramo farmacêutico foi capaz de descobrir novas tendências de importação, validar fornecedores e aumentar a velocidade para o lançamento de produtos com as nossas soluções.

Leia mais sobre esse case:

New call-to-action

 

Nova call to action