Saiba a importância de um planejamento de estoque eficiente e como a Logcomex pode contribuir para colocá-lo em prática

Como a visibilidade contribui para um planejamento de estoque eficaz?

Hoje, o planejamento do estoque da empresa faz parte da estratégia que precisa estar presente dentro da gestão no supply chain. O controle é necessário para manter a produção da empresa sempre ativa e garantir a competitividade no mercado — levando em consideração o segmento — e a fim de manter a eficácia e suprimento das necessidades do dia a dia. Nesse contexto, você sabe como a visibilidade pode contribuir? O que podemos adiantar é que ela faz diferença na automação, otimizando ainda mais os processos do estoque, facilitando, assim, a operação como um todo. 

Sigam com a gente nesse artigo que vamos explicar mais!

O que é o planejamento de estoque?

Resumidamente, planejamento de estoque é poder controlar a entrada e saída de mercadorias dentro da empresa e organizar os pedidos de compras. Assim, se o planejamento é bem feito, o cliente sai feliz e com grande chances de voltar à empresa, os lucros aumentam, os gastos vão diminuir e as entregas serão mais ágeis. Afinal, há melhor controle e gerenciamento dos itens e distribuição. 

O planejamento é importante sobretudo para otimizar e impulsionar a administração das atividades que envolvem a parte operacional de um espaço. Consequentemente, suprindo as necessidades e demandas sem problemas.

A estrutura do planejamento vai estar diretamente ligada às atividades exercidas pela empresa. Por isso, o plano exige dados ligando e embasando o estoque com os produtos e as habilidades de quem vai fazer a gestão do espaço e conteúdo. 

Fazer o planejamento de estoque significa, ainda, manter o abastecimento de acordo com a demanda da empresa e acompanhar suas operações. Sendo que o planejamento dessa organização deve estar de acordo com o histórico de vendas do negócio. 

Portanto, manter o controle do estoque deve ser uma tarefa constante e diária para os empreendedores. Para tanto, é necessário desenvolver um plano eficiente que vai incluir todo o necessário para uma boa gestão do estoque.

Esse trabalho de gestão e planejamento inclui, principalmente, evitar vendas além do estoque, atender às expectativas dos clientes e girar o dinheiro investido no estoque.

Qual a importância do planejamento de estoque?

O planejamento de estoque se faz necessário para evitar problemas como:

  • Mais custos com armazenamento: tudo que é comprado precisa de mais espaço para ser guardado. Assim, se faltar lugar, é necessário o investimento extra. Por isso é necessário saber o quanto comprar e onde vai será o armazenamento
  • Perda de produto: sem controle do que há no estoque, há risco de compra de itens repetidos ou a perda produtos já comprados anteriormente e que não foram catalogados. O que é sinônimo de mais custo
  • Investimentos extras em segurança: com o estoque de produtos, é preciso investir em segurança para evitar perda e danos dos itens
  • Necessidade de segurar investimentos: até girar o estoque e conseguir dar vazão para os itens que estão parados, é preciso congelar o dinheiro. Até voltar a girar o capital anteriormente injetado nos produtos
  • Peças estragadas: sem a utilização de um espaço adequado de estoque para armazenamento, os produtos podem ficar comprometidos ou estragados ao longo do tempo que ficaram parados
  • Perder o timing: a depender do segmento que a empresa atua, determinado produto já comprado e que ainda está preso no estoque pode perder a validade ou se tornar obsoleto, o que vai comprometer a venda
  • Lixo ambiental: o comprometimento de um estoque leva à produção de uma grande quantidade de lixo, afinal, haverá a necessidade de descarte das peças.

Qual é o principal objetivo do planejamento de estoque no supply chain?

Traduzido do inglês, supply chain significa cadeia de suprimentos, o que faz referência aos diversos processos pelos quais os produtos passam até a chegada ao consumidor final.

Em outras palavras, envolve os caminhos desde a matéria-prima até que a mercadoria fique em seu estágio final — o solicitado pelo cliente. 

De uma forma prática, o supply chain representa todas as atividades: compra dos produtos/insumos, armazenamento, transporte, embalagem, gerenciamento, venda e distribuição, por exemplo. Isso tudo somado as devidas operações. 

Justamente por conta desse cenário, o planejamento de estoque se faz extremamente necessário. Afinal de contas, com o controle de todos os produtos, matérias-primas e até mesmo da disposição dos serviços pode impactar nos lucros.

Com uma gestão eficiente, o abastecimento do estoque estará sempre sob controle e haverá maior assertividade no uso dos itens que constam nele. Assim, não há prejuízos com compras desnecessárias ou investimentos sem fundamentos. 

Isto é, o processo contará com a quantidade necessária de insumos — nem a mais e nem faltando — para que não haja problema ou custos extras.

Leia mais: A importância da gestão de estoques na cadeia de suprimentos

Como fazer um planejamento de estoque? 

Até aqui deu pra entender que o planejamento de estoque é muito importante para o bom andamento do negócio? Afinal, é através dele que a saúde financeira e imagem da empresa têm uma melhor projeção no mercado internacional

Já que estamos aqui, vamos para algumas dicas que podem ajudar no seu planejamento de estoque:

Entenda os custos do estoque

Para se ter um estoque é preciso comprar as mercadorias . Assim, após essa compra e armazenagem, pode-se montar o estoque e o oferecimento ou uso dos insumos.

Independentemente de a empresa usar os insumos para fabricar seus produtos ou comercializá-los, 4 custos principais deve-se considerar 4 custos principais.

São eles: custo do pedido, custo de manutenção, custo de depreciação e, nosso foco de agora, custo de falta de estoque.

Nesse caso, especificamente, este custo impacta a empresa caso não consiga obter os produtos necessários para que a venda de determinado item seja viabilizada e concluída.

Como por exemplo, uma fábrica de papel que não consegue comprar a celulose que usa para produzir os papeis que vende para as gráficas.  

Gerencie os itens no seu estoque

Para poder começar o planejamento do estoque, é preciso realizar antes um inventário de todos os produtos que fazem parte dele.

Afinal, somente conhecendo e catalogando os itens será possível saber exatamente o que é necessário, controlar os custos e fazer um gerenciamento mais eficaz.

Outro detalhe importante é acrescentar a quantidade de cada mercadoria em estoque no inventário, além de preço por peça e data de validade, se houver.

Importante lembrarmos aqui que é necessário atualizar essa lista sempre!

Mesmo que pequenas alterações sejam feitas, com a saída ou entrada de produtos, é preciso atualizar sem deixar nada de lado. Somente assim o controle será eficaz.

Adote a previsão de demanda

Esse é um caminho que vai ajudar a verificar o tempo médio gasto por cada produto até que seja vendido.

Depois de verificar esses dados, é possível fazer a previsão de quantos itens vão ser vendidos em determinado período.

Por essa previsão, é possível fazer uma estimativa sobre o estoque, como por exemplo o tempo de armazenamento de cada um dos produtos ou quando vai ser necessário fazer um novo pedido

Construa uma boa relação com seus fornecedores

Mais uma etapa que vai fazer diferença no planejamento de estoque é o trabalho dos fornecedores — peça fundamental para que tudo saia como esperado.

Por serem parte importante do serviço, é preciso que uma boa relação seja estabelecida com o cumprimento de prazos, o que inclui pagamentos, e cordialidade.

A boa relação vai ajudar que o planejamento de estoque esteja garantido. 

Acompanhe indicadores

Com o planejamento em pleno funcionamento e uma gestão efetiva do estoque, é possível criar indicadores de vendas.

Afinal, esses indicadores ajudam a empresa a direcionar o investimento e evitar prejuízo.

Por exemplo, o quanto de determinado item é vendido em um período de tempo. Isso vai indicar se há necessidade de investir mais dinheiro naquele produto ou se a verba pode ser direcionada para outro produto com mais saída em menos tempo.

Use a tecnologia para garantir a previsibilidade

A tecnologia é a mais forte das aliadas quando o assunto é previsão, controle e gestão. Na palma da mão é possível acompanhar a carga em trânsito, a possível chegada e até mesmo prever problemas, como atrasos ou interrupções logísticas que possam comprometer a carga.

Com a possibilidade de previsão e acompanhamento há mais chances de conseguir diagnosticar os percalços e investir em medidas que possam evitar prejuízos ou danos

Benefícios do planejamento de estoque

Com o planejamento devido feito no estoque, a chance de êxito na execução é grande. Abaixo, separamos alguns benefícios que vem de forma direta:

Evita a ruptura de estoque

A ruptura de estoque é, em suma, o momento em que a empresa não consegue atender a demanda de um determinado produto devido à sua indisponibilidade. Também é conhecida pelo nome em inglês “stock out” ou, simplesmente, falta de estoque.

Essa situação pode ocorrer como resultado de diversos erros, como falta de planejamento de compras, atrasos na entrega de insumos para a fabricação dos produtos, problemas na cadeia de suprimentos, entre outros.

Quando a ruptura de estoque acontece, certamente a empresa perderá vendas e até mesmo os seus clientes mais fiéis.

Aumenta a satisfação do cliente

Com planejamento e todo processo transcorrendo de forma prática e ágil, o cliente estará satisfeito, já que vai receber o produto comprado no prazo.

O estoque em dia já indicará qual produto está presente no estoque e, consequentemente, o cliente terá acesso de forma mais rápida do que está disponível, poderá selecionar e fazer o pedido

Reduz custos

Justamente por ter controle do que há em estoque, o investimento pode ser melhor direcionado. Sem chance de comprar o mesmo item repetido para armazenar.

A visibilidade do trajeto internacional e das etapas aduaneiras dos insumos adquiridos no exterior também reduz os custos, já que permite ações proativas para evitar prejuízos em casos de imprevistos. 

Aumenta a capacidade

Com o sistema organizado, a capacidade de armazenamento da empresa também vai aumentar, já que o espaço será melhor organizado.

Além da capacidade de atendimento que também é aumentada exponencialmente já que pode melhor direcionar o produto à demanda. 

Leia mais: O futuro da logística internacional está na Inteligência Artificial

Use a Logcomex para apoiar o planejamento de estoque

A Logcomex oferece a maior plataforma de visibilidade avançada em tempo real da América Latina.

Ela permite monitorar a jornada dos insumos comprados de fora do país desde a logística internacional até o desembaraço aduaneiro.

Plataforma de visibilidade avançada de cargas da Logcomex
Plataforma de visibilidade avançada de cargas da Logcomex

A plataforma permite gerenciar os embarques com total autonomia e eficiência, possibilitando uma ação proativa em casos de imprevistos (como atrasos, por exemplo).

Evite a ruptura de estoques com a visibilidade avançada Logcomex
Evite a ruptura de estoques com a visibilidade avançada Logcomex

Com isso, ela favorece um planejamento eficiente do estoque, evitando rupturas, quebras de produção e todos os prejuízos decorrentes destes quadros.

Falar com um especialista! Preencha os campos abaixo!