Saiba como obter redução de custos na cadeia de suprimentos

Como obter redução de custos na cadeia de suprimentos?

Já se perguntou como é possível obter uma significativa redução de custos na cadeia de suprimentos?

O artigo que preparamos tem a missão de esclarecer todos os custos que estão por trás da fabricação de um produto.

A ideia é que você tenha ótimos insights do que fazer para que o seu cliente ou consumidor final perceba o verdadeiro valor do seu esforço. Afinal, gerenciar a cadeia de suprimentos é um trabalho árduo. 

Acompanhe o que temos a dizer sobre esse assunto e tenha uma ótima leitura!

Custos envolvidos na cadeia de suprimentos

É impossível falar em redução de custos na cadeia de suprimentos, sem antes falar do seu funcionamento.

Portanto, para a sua melhor compreensão considere o seguinte conceito: a cadeia de suprimentos é o sistema responsável por organizar todos os esforços relacionados ao caminho percorrido de um produto industrializado.

Leia também: O que é Supply Chain? Qual a importância de ter visibilidade

Desse modo, as despesas que devemos considerar para a estratégia de redução de custos estão dentro das atividades relacionadas ao transporte das matérias-primas, à gestão do seu armazenamento e às práticas de distribuição.

Obviamente, não podemos deixar de lado o quanto foi investido, uma vez que é imprescindível que se tenha muito claro dados como o custo de aquisição da matéria-prima e de toda a estrutura fabril que será necessária para transformá-la em um produto acabado. 

Não se preocupe, pois detalharemos todos esses pontos. Acompanhe.

Investimento

Quando o assunto é investimento muito se fala em ROI, que em português significa Retorno sobre o Investimento. 

Basicamente esse termo está presente em quase todas as métricas empresariais, já que é uma espécie de indicador que serve para monitorar o desempenho financeiro.

Nesse sentido, a viabilidade do negócio como um todo é avaliada por meio do ROI. Mas quais os fatores a serem considerados para determinar o quanto foi investido no negócio?

A resposta dessa pergunta consiste em saber diferenciar os tipos de investimento, que usualmente são três:

  1. Investimento pré-operacional: é o cálculo que vai mensurar quanto custa cada uma das ações que a empresa precisa desenvolver para dar início aos trabalhos. Podemos citar como exemplo: custos burocráticos para a formalização da empresa, registro da marca e treinamento do time
  2. Investimento fixo: é o investimento que se limita à infraestrutura necessária para o show acontecer. Em outras palavras, sem este investimento o negócio não irá funcionar. Podemos citar como exemplo: custos com mobília, maquinário e estoque
  3. Capital de Giro: é a quantia mínima necessária para dar o “start” na operação. Ou seja, o custo das despesas diárias como: folha de pagamento, aluguel, energia elétrica, água e internet.

Produção

Sem sombra de dúvida o maior foco de uma cadeia de suprimentos é o desempenho da produção. 

Isso porque o objetivo de um sistema de produção é gerar lucro e, por isso, práticas de comparação com a concorrência estão sempre presentes.

De modo geral não é raro vermos empresas cujos posicionamentos são “manufaturar produtos com desempenho superior ao da concorrência” ou então “ser mais ágil do que a concorrência”. 

A ideia é cumprir as promessas que a concorrência não conseguiu honrar.

Aquisição

Como mencionamos anteriormente, os custos de aquisição podem ser resumidos na compra de insumos e matérias-primas.

A administração mal feita dos processos de aquisição de materiais pode impactar áreas como produção e distribuição. 

Há quem diga que, para garantir a boa performance nessa esfera, é preciso ter o domínio da gestão dos processos — visto que tudo está interligado.

Ainda sob esta perspectiva holística, especialistas no assunto comentam que o custo de aquisição está ligado à capacidade de reagir de forma rápida frente aos eventos inesperados do ambiente externo, sem que estes interfiram na margem de lucro.

Inventário

Comumente o custo de manutenção do inventário é o maior de todos os custos da cadeia de suprimentos. 

Afinal, ele impacta outras áreas como a gestão de armazém, o transporte dos produtos e até mesmo o atendimento aos clientes.

Por este motivo a gestão do inventário é tão importante: pois são os produtos que estão estocados dentro da empresa que, depois de comercializados, se transformarão em capital.

No cálculo do custo de manutenção do inventário devemos considerar os custos de capital, de serviço do inventário e do espaço de armazenamento.

3 dicas para obter redução de custos na cadeia de suprimentos

São muitas as abordagens de análise das despesas e, por isso, elaboramos algumas dicas a serem consideradas quando você está buscando formas de obter redução de custos na cadeia de suprimentos.

Tenha previsibilidade de chegadas

Quando o assunto é previsão, tenha em mente que quanto maior a clareza em relação à previsibilidade das chegadas, mais eficiente será a cadeia de suprimentos.

Afinal, ao saber com antecedência as chegadas, você pode se planejar com maior assertividade, evitar a quebra de produção e se antecipar para obter redução de custos na cadeia de suprimentos — em especial no que se refere a atrasos (que podem gerar despesas adicionais com sobreestadia).

A cadeia de suprimentos conta com diversas técnicas que podem ser utilizadas para prever as chegadas de matéria-prima, a depender do grau de importância no contexto fabril. 

Entretanto, a ideia deste conteúdo não é abordá-las com profundidade e sim informar que há uma metodologia a ser respeitada.

Nesse sentido, esclarecemos que existem itens que podem ser parte de uma demanda regular, outros que não e há, ainda, aqueles itens feitos sob encomenda. 

De modo geral, a gestão de uma cadeia de suprimentos está diretamente relacionada à habilidade de prever os itens que irão chegar para serem alocados na linha de produção.

Faça um bom planejamento de estoque

Em um cenário de alta performance, o planejamento precisa estar em primeiro lugar. Entretanto sabemos que nem sempre o forecasting de matéria-prima é uma informação acessível para todos os setores de uma fábrica — especialmente para as que contam com um vasto mix de produtos.

Assim sendo, é sempre bom estar a par das condições de pagamentos que usualmente são negociadas quando você quer obter redução de custos na cadeia de suprimentos.

Afinal, se a empresa importa e exporta, as cartas de crédito podem ser muito mais do que um método de pagamento. 

Elas podem ser utilizadas, inclusive, para o controle de estoque, visto que novas compras estarão condicionadas aos embarques já programados nos documentos emitidos.

Reduza riscos

A devida gestão de riscos contribui para a redução de custos na cadeia de suprimentos e é um trabalho que se baseia na monitoria de alguns indicadores-chave, afetando, portanto, diversas áreas da empresa.

Veja alguns exemplos:

  • Manter o equilíbrio entre priorizar a capacidade produtiva e estoque. Ou seja, garantir a agilidade na produção de itens de alto valor agregado e manter itens de baixo valor agregado em estoque
  • Controlar as datas de previsão de entrega é uma prática de fácil implantação que tem como resultado eliminar os riscos de multas por atraso — e, consequentemente trazer redução de custos na cadeia de suprimentos
  • Ampliar a rede de fornecedores sempre que possível pode evitar a dependência de produção, pois se você contar com apenas um fornecedor para cada item e esse fornecedor quebrar, você terá sérios prejuízos na sua linha de montagem inteira.

Use uma plataforma de visibilidade em tempo real

Felizmente a tecnologia existe para facilitar a vida e, dessa maneira, a possibilidade de visualizar os processos da cadeia de suprimentos é real!

Leia também: Visibilidade e a gestão eficaz da cadeia de suprimentos

Uma plataforma de visibilidade em tempo real oferecem o controle de tudo o que acontece na sua cadeia de suprimentos e, por isso, é contribuem para fornecer a sua tão desejada redução de custos na cadeia de suprimentos.

Conheça a melhor solução de visibilidade em tempo real para obter redução de custos na cadeia de suprimentos

A nova solução da Logcomex, o LogManager é uma plataforma 100% em nuvem, que traz visibilidade avançada da gestão dos embarques, com dados em tempo real. Desde a logística internacional até o desembaraço aduaneiro.

Com o LogManager, você pode obter uma redução de custos na cadeia de suprimentos de 20%, além de agilizar a liberação da sua carga em até 40%!

Sem falar que, ao utilizar a plataforma, você tornas seus processos internos mais robustos, ágeis e seguros, aumentando a otimização do tempo da sua equipe. Podendo, assim, alcançar mais facilmente o cumprimento dos requisitos para a obtenção da certificação OEA.

Certificação esta que traz diversas vantagens, entre elas:

  • Divulgação no site da RFB
  • Utilização da logomarca do programa
  • Ponto de contato na RFB
  • Benefícios concedidos pelas aduanas estrangeiras
  • Dispensa de exigências já cumpridas na OEA
  • Treinamentos dedicados.

Sua cadeia de suprimentos com visibilidade de ponta a ponta

Preencha o formulário e saiba como ter visibilidade de ponta a ponta da sua cadeia de suprimentos, reduzindo riscos de quebra de estoque e interrupções na linha de produção.

Evite ruptura de estoque e quebras de produção em sua operação

A plataforma de visibilidade avançada de cargas em tempo real da Logcomex permite que você monitore seus insumos comprados no exterior, desde a logística internacional até o desembaraço aduaneiro. Assim, você sabe na hora se haverão atrasos ou intercorrências, reduzindo prejuízos como ruptura de estoque e quebras de produção em sua operação

Preencha o formulário abaixo para conhecer a plataforma na prática:

Seus processos integrados, robustos e ágeis para obter a certificação OEA

Ao utilizar a plataforma de visibilidade em tempo real da Logcomex, além de agilizar os processos internos e estar em compliance com boas práticas de governança, você tem maiores chances de ter suas cargas parametrizadas em canal verde na fiscalização aduaneira, além de ter previsibilidade da chegada das suas mercadorias mesmo em momentos desafiadores.

Preencha o formulário abaixo para conhecer a plataforma na prática: