lcl fcl

LCL e FCL: qual é a diferença entre os dois?

No mundo dos negócios, somente firmar um acordo depois de uma negociação não gera lucro. É inerente que é preciso consumir o contrato e, nesse sentido, quando o assunto são materiais, é necessário transportá-los, seja por curta ou longa distância.

LCL e FCL são opções muito utilizadas que definem a condição de transporte de uma carga e, por isso, é importante entender quais são suas finalidades e custos, para ser assertivo na escolha entre um ou outro para o cálculo do seu frete marítimo.

O que significa FCL?

FCL (Full Container Load ou Contêiner Completamente Preenchido) significa que você irá comprar espaço para transportar a capacidade total de um contêiner, seja um contêiner de 20 ou de 40 pés. Certamente, isso implica que, para transportar a carga, será necessário utilizar a capacidade total de carga do contêiner.

  • Vantagens: transporta maior quantidade, não está exposto à espera para embarcar devido a datas de entrega de diferentes materiais e permite que a carga e descarga sejam realizadas na fábrica do produtor e na do comprador, respectivamente;
  • Desvantagens: maior exposição a custos extras por atrasos no momento de descarga, tais como demurrage.

Leia mais: Demurrage de Container: o que é e como a tecnologia pode evitar esse prejuízo?

O que significa LCL?

LCL (Less than a Container Load) é a denominação de quando é preciso comprar apenas uma fração do espaço de carga de um contêiner, diferente do FCL. Esta compra parcial indica que a carga não utilizará o espaço de carga total do contêiner.



  • Vantagens:  permite o fracionamento de cargas, ou seja, o transporte de 1 pallet, por exemplo, dentro de um contêiner que leva também outras cargas. Seus custos e despesas são menores em relação ao FCL e apresenta, normalmente, mais agilidade no processo de descarga;
  • Desvantagens:  exposição maior a extravios, por conta do manuseio de todos os itens do contêiner r no momento da desconsolidação. Além disso, está sujeito a atrasos na preparação do contêiner, visto que é necessária a consolidação de todas as cargas antes do envio.

Quais são os custos do FCL e LCL?

De forma geral, os custos são muito semelhantes, contudo, há uma variação de proporção entre eles, condicionada  à  quantidade transportada.

No FCL, a indicação é de que um contêiner,  com todo o seu espaço de carga, será necessário para transportar o material. Certamente, na opção LCL, ao contrário do FCL,  será necessária  apenas uma fração do espaço total de carga do contêiner  para transportar o material.

Assim, em ambos os casos, existem custos e despesas, como tarifa de frete, tarifa de combustível, além de taxas, na origem do embarque, e impostos, no destino.

Nova call to action

Todavia quando entendemos a diferença entre FCL e LCL, fica claro que para o FCL todos os custos e despesas referentes ao contêiner  serão cobrados de um único embarcador e que, para o LCL, esses mesmos custos e despesas serão cobrados proporcionalmente ao tamanho do espaço e capacidade utilizados. De forma geral, estes valores  de um contêiner  serão rateados entre todos os embarcadores das cargas que esse mesmo contêiner  comporta.

Obviamente, o LCL terá menos custos que o FCL, porém, igualmente a quantidade transportada será menor.

FCL e LCL no conhecimento de embarque

FCL e LCL são, portanto, opções de organização da carga determinadas tendo como base a quantidade e o espaço tomado pela carga ao ser transportada. Então, será necessário utilizar um contêiner completo ou uma fração dele, como já comentamos.

Porém, é evidente que há responsabilidades que devem ser atribuídas nesse processo. Um exemplo é a responsabilidade pela unitização e desunitização e, consequentemente, seus custos e despesas. A definição dessas responsabilidades e o tomador delas serão observados  conforme disposto no conhecimento de embarque.

O Incoterm (Termo Internacional de Comércio) escolhido indicará a atribuição das responsabilidades para o embarcador ou para o destinatário. Por isso, é muito importante entender claramente como cada possibilidade pode impactar o processo, para conseguir negociar acordos com assertividade.

Leia mais: Incoterms 2020: O Que São? Quais Os Principais Tipos? Quais Escolher?

Assim sendo, segue um simples exemplo. Podemos elencar as principais variações de responsabilidades por ordem de contratante na matriz abaixo, considerando que a unitização é a ação de carregar todo o contêiner e a desunitização, o contrário – ou seja, a tarefa de descarregar completamente o contêiner.

image 25

Então, é fundamental ter clareza  sobre as responsabilidades de todo o processo. O suporte de um especialista pode ser interessante e necessário para ajudar você a ter um melhor entendimento sobre LCL e FCL e como eles funcionam na prática para ter mais assertividade em sua tomada de decisão.

Utilize a planilha de custos de importação gratuita da Logcomex

A Logcomex desenvolveu e oferece gratuitamente a planilha de custos de importação para você conseguir planejar melhor suas ações na importação. Com a planilha de custos de informação, você consegue colocar os valores pagos no processo e calcular quanto você terá que pagar ao todo.

Abaixo, separamos ainda um passo a passo para você entender como ela funciona.

1. Acesse a planilha. Na aba 2, preencha o nome do produto.

Facilite o calculo de custos de importação com a nossa planilha

2. Depois, preencha as informações de “Quantidade”, “Unidade de Medida”, “Peso”, “NCM”, “Descrição da NCM”.

Facilite o calculo de custos de importação com a nossa planilha

3. Depois, preencha os valores estimados e a moeda utilizada no pagamento. 

Facilite o calculo de custos de importação com a nossa planilha

Automaticamente, o valor aduaneiro será atualizado

Automaticamente, o valor aduaneiro será atualizado

5. Na próxima tabela, preencha os valores dos impostos.

Facilite o calculo de custos de importação com a nossa planilha

Os valores e a base de cálculo serão atualizados.

Facilite o calculo de custos de importação com a nossa planilha

Por fim, temos o custo total da mercadoria, tanto em dólar, quanto em libra e euro.

Facilite o calculo de custos de importação com a nossa planilha